O TABLAO FLAMENCO MAIS FAMOSO DO MUNDO

O MELHOR TABLAO FLAMENCO DO MUNDO ESTÁ EM MADRID

Venda de entradas

ABIERTO SOLO SÁBADOS

- +

Total do espectáculo, preço do jantar não incluído

Total de Entretenimento, bebida incluída

Preço total do show e jantar

Conhece a nossa sala de flamenco em Madrid

O tablao flamenco corral de la morería está localizado em Madrid e é a única sala da Espanha que tem recebido o Prémio ao Melhor Tablao Flamenco do Mundo e o Prémio Cidade de Madrid, outorgado junto do Museu do Prado, o Thyssen e o Rainha Sofía, polo que está considerada uma das instituições mais emblemáticas da capital. É o cenário mais visitado pelas grandes pessoalidades do mundo artístico político, social, cultural e desportivo.

Conhece a nossa sala de flamenco em Madrid

O tablao flamenco corral de la morería está localizado em Madrid e é a única sala da Espanha que tem recebido o Prémio ao Melhor Tablao Flamenco do Mundo e o Prémio Cidade de Madrid, outorgado junto do Museu do Prado, o Thyssen e o Rainha Sofía, polo que está considerada uma das instituições mais emblemáticas da capital. É o cenário mais visitado pelas grandes pessoalidades do mundo artístico político, social, cultural e desportivo.

Oferece a melhor programação de espetáculos flamencos da Espanha  acompanhado por uma excelente proposta gastronómica.

A sua qualidade e prestigio são louvados constantemente pela imprensa nacional e  internacional. A sua proprietária e diretora artística, Blanca del Rey, é uma  das bailaoras e coreografas mais importantes da história do flamenco. O seu chefe de cozinha, David García, ostenta uma estrela Michelin e  dois sóis Repsol. Está selecionado no livro “1000 lugares para conhecer antes de morrer” Nº1 em vendas do New York Times.

EM MADRID ENCONTRA-SE O MELHOR ESPETÁCULO FLAMENCO DO MUNDO

O tablao flamenco com a melhor programação artística

O melhor espetáculo flamenco de Madrid está reconhecido além disso coma o melhor do mundo. Cada noite, o tablao deleita o afeiçoado mais exigente e ao que quer conhecer este arte ao máximo nível com uma proposta estruturada à volta de estrelas já consagradas nas suas respetivas trajetórias, que propõem um show  flamenco onde o cante e a guitarra também estão representados por artistas do máximo nível.

Considerado historicamente o melhor flamenco, o espetáculo de  Corral de la Morería muda por completo cada semana, semelhando a sua programação artística à dos grandes teatros, mais com  a vantagem de desfrutar ao perto dos artistas que enchem os principais festivais e cenários do mundo com a sua energia mais estremecedora. Sem dúvida, é a oferta do melhor show flamenco ao nível nacional e internacional.

Ao longo de mais de seis décadas de existência, Corral de la Morería tem acolhido e lançado a figuras coma Antonio Gades, La Chunga, Fosforito, María Albaicín, Lucero Tena, Serranito, Fernanda e Bernarda de Utrera, Manuela Vargas, El Güito, Mario Maya, La Paquera de Jerez, Lola Greco, Javier Barón, Diego el Cigala, José Mercé, Pitingo y Antonio Canales, entre outros muitos. Por isso está considerado, ao nível mundial  coma a Catedral do Flamenco, e é o cenário polo que têm passado mais artistas e mais importantes em todo a história desta arte.

O tablao flamenco em Madrid que visitam as celebridades

Pouco depois de ter sido inaugurado, as estrelas de Hollywood que passavam pela Espanha, ou vinham a filmar aqui as suas películas apareciam case todos os dias em Corral de la Morería, não só reconhecido por ser o melhor tablao flamenco de Madrid, senão do mundo.

Uma noite, por exemplo, Ava Gardner estava a ver o espetáculo flamenco quando, de repente, um homem que apurava um whisky na barra cravou os olhos nela e fez -lhe um aceno.

A atriz foi para ele e quase no mesmo instante os dois começaram uma disputa acalorada, depois da qual esse homem foi-se embora precipitadamente. Foi nesse momento quando Manuel del Rey, proprietário do espaço, deu-se conta de que era Frank Sinatra. Talvez molesto pelos rumores que relacionavam ao “animal mais belo do mundo” com o toureiro Luis Miguel Dominguín. Posteriormente Frank Sinatra retornou várias vezes.

Das visitas doutras grandes luminárias ao Corral de la Morería dão fé inumeráveis instantâneas, algumas delas expostas na entrada do espaço. Ai estão, em branco e negro ou a cor, posando sorridentes ou mesmo bailando, Ava Gardner, “O Che” Guevara, Frank Sinatra, John Lennon, Jimmy Carter, Jennifer Aniston, Pablo Picasso, Justin Bieber, Sarah Jessica Parker, U2, The Rolling Stones, Sigourney Weaver, Ernest Hemingway, Federico Fellini, Liza Minnelli, Marlon Brando, Mohammed Ali, Ronald Reagan, Rita Hayworth, Rod Hudson, Richard Nixon, Mariah Carey, Hugh Grant, Harrison Ford, James Cameron, Natalie Portman, Benicio del Toro, Demi Moore, Paul McCartney… ​

EM MADRID ENCONTRA-SE O MELHOR ESPETÁCULO FLAMENCO DO MUNDO

Passa e desfruta do melhor restaurante com espetáculo de Madrid

Quando a gente atravessa a porta do Corral de la Morería, situado no coração de Madrid, o olhar topa com uma dourada e voluminosa maquina registadora, que está no meio duma mesa cor castanha do século XVIII.

Nesta sala de flamenco em Madrid, podemos contemplar num dos quadros uma imagem dos comensais vestidos de gala que se podiam ver nas “noites legendarias” dos primeiros anos do Corral. 

O quadro que preside o tablao chama-se Pelando la pava e está considerado “o último grande clássico”. É uma obra do pintor Juan Barba,  uma piscadela a Goya, a Velázquez e a Zurbarán.

O cenário está desenhado como instrumento de percussão que amplifica a intensidade do sapateado dos artistas. Em torno dele, há uma sucessão de mesas e cadeiras nas quais todas as noites, um centenar de pessoas desfrutam a combinação do melhor espetáculo flamenco em Madrid e um jantar requintado, desenhado pelo chefe de cozinha basco David García.

Além disso existe um exclusivo recanto de só quatro mesas que tem entrado na listagem de restaurantes em Madrid com uma estrela Michelin, estão as fotos do dia no que Blanca del Rey, diretora artística do Corral de la Moraría, bailou por última vez a sua coreografia, a Soleá del Mantón, que tem proporcionado ao flamenco poesia sonora e movimento que abala as emoções.

Nas imagens, um xaile bordado e de densos fiapos gira, voa, acaricia e abraça à bailaora.

Esse xaile, nas mãos da Blanca – com uma mistura de carinho e coragem – , era capa, era  vestido, era capote, era mantilha curta  e era ela, a fundir-se com ele, enquanto atravessava distintos estados de animo – da tristeza à alegria, passando pela paixão e o desenfreio – . Bailava a Blanca e com seus quebros e sapateados convertia o silêncio em beleza.

Grande finura culinária no melhor restaurante com espetáculo de Madrid. Segundo a Guia Michelin, que na sua edição de 2019 por vez primeira incluiu em toda a sua história a um  tablao flamenco, Corral de la Moreria oferece “uma cozinha de grande finura”. “Elaborações delicada, texturas muito finas, fundos e caldos que te fazem fechar os olhos de prazer…” .

Num exclusivo espaço de só quatro mesas, pode-se desfrutar das criações mais pessoais de David Garcia, chefe de cozinha.

Blanca del Rey e a sua relevância no mundo do espetáculo flamenco

As suas majestades, Don Felipe e Dona Letizia, entregaram à bailaora e coreografa Blanca del Rey a Medalha de Ouro ao Mérito das Belas Artes no ano 2016.  

É a máxima distinção no mundo das Artes, que consagrou a uma das pessoas que mais tem feito pelo flamenco (Património Cultural Imaterial da Humanidade desde 2010).

Nasceu em Córdoba (Andaluzia) e ficou órfã de pai aos três anos, idade na qual começou a ir a Radio Chupete, o programa infantil da emissora EAJ24 , para cantar e  dançar.  Soubera polir o talento inato de jeito autodidata e debutou aos 12 anos no tablao cordovês El Zoco. 

Dois anos depois deslocou-se a Madrid, onde conheceu a Manuel del Rey, o homem da sua vida, e onde desenvolveu a sua brilhante carreira coma bailaora e coreografa recorrendo os teatros mais importantes do mundo com a sua própria companhia.

Curral de la Morería nos meios